Revista Grid

Blog

Luciano Viscardi e Rafael Silva triunfam no segundo endurance da Copa Joy ACDelco

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
Email

Corrida foi marcada por um começo de prova com intervenções do safety

O segundo endurance da Copa Joy ACDelco (ACDelco, Goodyear, Hipper Freios, Wurth, Impacto Amortecedores Especiais, Pro Tune, Portal e TV High Speed Brazil) aconteceu neste sábado, 22, em Interlagos, e na pole position estava a dupla Aleandro Fortunato e Mauricio Gallian, que comandam o carro #40.

Na largada, Fortunato, que estava no carro, manteve a ponta e o pelotão veio forte. No entanto, na entrada do miolo do traçado, Nilson Patrone acabou rodando após seu motor apresentar problemas. Ale Peppe acabou deslizando no óleo deixado por ele, não conseguiu desviar e os carros colidiram, resultando no final de prova para os dois pilotos e na primeira entrada do safety car.

A corrida estava recomeçando quando um novo acidente aconteceu, desta vez envolvendo pilotos da categoria Sport. Renzo Zambolini, Gerson Lovato e Marcus Bassetti acabaram se tocando na reta. Lovato foi parar na barreira de pneus, Bassetti rodou e voltou para a pista, e Zambolini seguiu para os pits após algumas voltas com avarias. Foi o segundo safety car na prova com menos de oito minutos de corrida.

Após a limpeza da pista, a corrida passou a transcorrer com mais tranquilidade. Edgard Amaral, Aleandro Fortunato e Luciano Viscardi passaram a batalhar pela liderança.

Na categoria Sport, Ricardo Filho, Rafael Silva e Sandro Siqueira estavam entre os ponteiros quando as paradas obrigatórias começaram a ser realizadas.

Com os pits abertos, as estratégias passaram a se misturar. Viscardi foi um dos primeiros líderes a ir aos boxes e, com isso, aproveitou a volta com pista livre para assumir a ponta com vantagem sobre o pelotão. Fortunato e Gallian acabaram tendo problemas na hora de voltar para a pista e, com isso, perderam tempo.

Com todos os carros de volta ao traçado, Viscardi liderava na Extreme e Rafael Silva assumiu a ponta da Sport. Com menos de dez minutos para o término da corrida, André Magno até tentou ameaçar a liderança do carro #126, mas no final acabou tendo uma grande batalha com o #12 de Daniel Dias. Viscardi manteve uma diferença segura para Douglas Carvalho, que vinha no #50.

A bandeira quadriculada decretou a vitória de Luciano Viscardi e Rafael Silva, para a festa dos pilotos e dos familiares presentes nos boxes.

Confira a classificação final do segundo endurance da Copa Joy ACDelco:

Piloto/DuplaPosiçãoCategoriaDif.
77LUCIANO VISCARDI1EXTREME 
50E.AMARAL/D.CARVALHO2EXTREME1.889
126RAFAEL SILVA3SPORT14.038
12DANIEL DIAS4EXTREME17.660
19ANDRÉ MAGNO5SPORT18.117
99R.ZEMA/A.ADRIANI6SPORT19.425
40A.FORTUNATO/M.GALLIAN7EXTREME29.316
7VINICIUS MENDES8SPORT31.459
10RICARDO FILHO9SPORT35.660
11SANDRO SIQUEIRA10SPORT35.720
81M.BASSETTI/L.GABRIEL11SPORT36.643
80C.ASCIUTTI/R PINTO12EXTREME40.145
29VICTOR MAHLE13SPORT43.638
55RICARDO MARTINES14SPORT1:47.859
33RAMON GIRALDI15SPORT4 Laps
117RENZO ZAMBOLINI16SPORT12 Laps
711FELIPE MARTINS17SPORT18 Laps
32EBER GOMES18EXTREME21 Laps
86GERSON LOVATO19SPORT24 Laps
2NILSON PATRONE20EXTREME26 Laps
44ALEXANDRE PEPPE21EXTREME26 Laps

O que eles disseram:

“Foi um fim de semana perfeito. Estive sempre entre os dois primeiros nos treinos livres e, na classificação, acabei errando e larguei em quinto lugar. Na prova, levei um susto enorme pois o Nilson (Patrone) rodou bem na minha frente. O (Ale) Peppe acabou batendo nele e eu passei muito perto, chegando a imaginar que iria bater também. A partir dali, segui o ritmo dos líderes, pois sabia que a definição seria após a parada. Eu buscava poupar equipamento para chegar bem no final e, desta vez, deu tudo certo. Quero dedicar essa vitória ao meu irmão Sandro, que não está aqui neste final de semana, e também a toda a minha família que sempre me apoia e sabe que é isso que eu amo”, Luciano Viscardi #77.

“Adotamos uma estratégia que, na minha opinião, foi a correta. O acidente aconteceu logo na minha frente, mas depois disso tivemos uma bela batalha e assumimos o primeiro lugar. Na parada dos boxes, acabamos tendo uma perda de tempo, mas corridas são corridas e terminamos em segundo lugar, o que foi muito bom”, Edgard Amaral #27.

“Minha visão de corrida é bem parecida com a do meu companheiro Edgard (Amaral). Tivemos uma chance de voltar em primeiro, mas a perda de tempo nos boxes nos colocou atrás do (Luciano) Viscardi. Imaginávamos que estávamos no pelotão da frente e, no final, concluímos em segundo lugar, o que é bom para o campeonato”, Douglas Carvalho #27.

“Tivemos muito trabalho ao longo da corrida, onde consegui largar muito bem e acompanhar o pelotão. Escapei ileso dos acidentes que aconteceram na prova, sendo que o segundo ocorreu bem na minha frente e, depois disso, tudo se encaixou. Tivemos uma boa parada e, quando voltamos para a pista, nosso desempenho era bom. No final, acabei tomando um sufoco do (André) Magno, mas deu tudo certo e a vitória veio”, Rafael Silva #126.

“Nossa estratégia desde o começo era não se envolver em confusão. O pelotão iniciou forte a disputa e eu preferi segurar o ritmo. Acabei perdendo algumas posições, mas depois disso conseguimos mostrar que tínhamos um ritmo bem mais rápido. O carro oscila bastante ao longo da prova, voltamos melhor após a parada nos boxes e quase conseguimos a vitória. O segundo lugar foi bom para o campeonato”, André Magno #19.

Calendário da temporada de 2024 da Copa Joy ACDelco: 

19 e 20/7 – Interlagos
06 e 07/9 – Interlagos
20 e 21/12 – Interlagos

*calendário sujeito a alterações

A Copa Joy ACDelco conta com o apoio da ACDelco, Goodyear, Hipper Freios, Wurth, Impacto Amortecedores Especiais, Pro Tune, Portal e TV High Speed Brazil

As emoções da Copa Joy ACDelco poderão ser acompanhadas no canal do Portal e TV High Speed Brazil,  www.youtube.com/@highspeedtvbr , no https://www.youtube.com/@PortaleTVHighSpeed e no canal da equipe Alpie, organizador da categoria, www.youtube.com/@alpieoficial 

O que você procura?

Notícias anteriores

Categorias

Tags

Segue a gente